Academia Flutuante Usa Energia Humana Para Navegar Pelo Rio Sena Em Paris

Já pensou em fazer um bom treino em uma academia flutuante? A empresa italiana Carlo Ratti Associati chegou com uma brilhante ideia para inspirar as pessoas a exercitar-se mais. Eles desenharam um barco que usa energia humana para navegar pelo Rio Sena em Paris.

Ao fazer exercícios nas bicicletas, os passageiros poderão contribuir de forma transparente para alimentar a embarcação, que por sua vez irá navegar ao longo do Sena em sua rota pela cidade, proporcionando acesso a quem quiser. O Paris Navigating Gym estuda o potencial de aproveitamento da energia humana, ao mesmo tempo em que produz uma nova experiência urbana e prevê formas de integrar ainda mais o rio na infraestrutura de mobilidade da cidade.

A academia prevista para funcionar no segundo semestre de 2017. A embarcação terá cerca de 20 metros de comprimento e capacidade para acomodar 45 pessoas.

“É fascinante ver como a energia gerada por um treino de academia pode realmente ajudar a impulsionar um barco. Ele fornece uma experiência tangível do que está por trás da noção, muitas vezes abstrata, de energia elétrica”, disse Carlo Ratti.

The Paris Navigating Gym – Academia flutuante que se move ao longo do rio Sena, aproveitando a queima de calorias dos passageiros

The Paris Navigating Gym - Academia flutuante que se move ao longo do rio Sena, aproveitando a queima de calorias dos passageiros.


The Paris Navigating Gym - Academia flutuante que se move ao longo do rio Sena, aproveitando a queima de calorias dos passageiros.



The Paris Navigating Gym - Academia flutuante que se move ao longo do rio Sena, aproveitando a queima de calorias dos passageiros.


The Paris Navigating Gym - Academia flutuante que se move ao longo do rio Sena, aproveitando a queima de calorias dos passageiros.


Mais informações: carloratti.comFacebook.

Compartilhe com seus amigos, curta nossa página no Facebook e siga-nos no Twitter!

Felipe Hack

Sócio fundador e idealizador do site Acta MUNDI. Autodidata, fascinado por tudo que envolve cultura artística, inovação e diversidade. Largou o gosto por jogos eletrônicos para se dedicar ao design gráfico 3D e empreendedorismo digital.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *