Finalmente! Contraceptivo masculino reversível

Os cientistas estão ficando mais perto de desenvolver um novo tipo de contraceptivo masculino reversível que não produz quaisquer efeitos secundários hormonais.

Contraceptivo masculino: Descoberta permite o desenvolvimento de drogas para evitar que espermatozoides cheguem até o óvulo.

Contraceptivo masculino

Pesquisadores que estudam estratégias para desenvolver uma abordagem não hormonal de contracepção masculina podem ter atingido um marco importante no seu trabalho, Eles descobriram uma maneira de produzir uma enzima chave encontrado apenas em espermatozoides, que aplicado em uma quantidade suficiente, torna possível a projeção de drogas para evitar que o esperma nade até o óvulo feminino.

 

A descoberta representa um passo significativo que também dará aos homens o controle sob a natalidade, os pesquisadores esperam que seja livre de efeitos colaterais típicos dos métodos contraceptivos hormonais utilizados até hoje nas pílulas de uso exclusivo nas mulheres.

 

Com o resultado de muitos anos de trabalho, John Herr e sua equipe da the University of Virginia School of Medicine, conseguiram isolar e fabricar uma enzima que é encontrada exclusivamente nos testículos. A enzima é encontrada apenas em células chamadas de espermátides, que dão origem aos espermatozoides. Ao direcionar essa enzima, os investigadores esperam inibir a função de como os espermatozoides são produzidos, diminuindo assim a mobilidade dos pequeninos.

esperma 01

“Embora existam vários medicamentos que têm como alvo combater doenças como a leucemia é a primeira vez que este tipo de abordagem seria utilizada para criar uma forma de controle de natalidade”, disse o cientista colaborador da pesquisa Jagathpala Shetty, PhD de John Herr.

Herr observou que ainda tem muito trabalho a ser feito, mas ele está esperançoso de que os muitos anos de esforço para atingir uma forma ativa, O resultado da enzima irá pagar dividendos, levando a um maior leque de candidatos a experimentar a droga.

 

A boa notícia é que parece que finalmente estamos chegando mais perto de um contraceptivo reversível, não hormonal para homens (que não é preservativo).

espermatozoide

 Fonte: Adaptado de Eurekalert

Felipe Hack

Sócio fundador e idealizador do site Acta MUNDI. Autodidata, fascinado por tudo que envolve cultura artística, inovação e diversidade. Largou o gosto por jogos eletrônicos para se dedicar ao design gráfico 3D e empreendedorismo digital.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *